Este site possui certas restrições de navegação. Recomendamos o uso de navegadores como:Edge, Chrome, Safari ou Firefox.

¡PROMOCIÓN ESPECIAL! FlashLED SOS V16 + App SOS Alert + Envío Gratis AHORA POR 49,90 €

Como fazer parte da DGT 3.0

A Plataforma IoT da DGT foi desenvolvida em nuvem pública própria, com capacidades de escalabilidade, disponibilidade, segurança e portabilidade, o que permite a interligação entre todos os participantes que fazem parte do ecossistema de tráfego e mobilidade.

Comunicação entre sistemas e aplicações

O DGT 3.0 foi projetado para se comunicar com os sistemas de backup de cada um dos diferentes usuários onde serão hospedadas as aplicações do servidor, que compartilham e/ou consomem a informação. Estas aplicações servidoras estarão, por sua vez, ligadas à aplicação Cliente de cada um dos utilizadores, que poderá estar alojada em:beacons, dispositivos móveis, veículos, etc.; e com a funcionalidade correspondente de acordo com o tipo de participante (compartilha ou consome informação).

Métodos de troca de informações

Os métodos utilizados para compartilhar e consumir informações com a plataforma DGT 3.0 são baseados nos padrões de mercado API REST e filas MQTT, dependendo do caso de uso a ser implementado. Esses métodos, entre muitas outras vantagens, permitem a dissociação da comunicação e da linguagem de programação na qual são implementadas as aplicações que precisam interagir.

Requisitos de acesso e segurança

Para acessar o DGT 3.0 é necessário que o participante tenha habilitado pelo menos um endereço IP público do seu sistema de backup na lista branca (Whitelist) da plataforma DGT 3.0 e possua Certificado Digital cliente X.509 v3 para a autenticação e autorização das comunicações, que será emitida por uma Autoridade Certificadora (AC) interna da plataforma DGT 3.0.

Carrinho

Não há mais produtos disponíveis para compra

Seu carrinho está vazio.